Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página Inicial > Notícias > Campus realiza ação no Dia do Índio
Início do conteúdo da página Notícias

Campus realiza ação no Dia do Índio

A atividade foi conduzida pelo Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indiodescendentes do Campus Açailândia e teve o objetivo de pautar questões ligadas à história e ao direito indígena.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 24/04/2017 11h15
  • última modificação 24/04/2017 11h19

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) realizou, por meio do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indiodescendentes (NEABI), da Direção de Desenvolvimento e Ensino (DDE) e do Departamento de Educação Profissional (DEP) do Campus Açailândia, uma mesa redonda para discutir direitos indígenas e história dessas populações no sul do Maranhão. A proposta foi abordar a importância do Dia do Índio (19 de abril) para a construção de respeito e valorização dos povos indígenas. As atividades, que aconteceram em 19 de abril, tiveram a coordenação da professora de História, Karilene Costa, e da professora de Direito, Thálita Vitória Castelo Branco. O tema foi “A presença indígena no cotidiano escolar”.

Para a professora Karilene Costa, que estuda a temática indígena desde 2007, o objetivo central do evento foi o de promover discussões interdisciplinares. “A ideia é rediscutir os indígenas enquanto protagonistas da construção da identidade brasileira no contexto histórico das populações indígenas, reconhecendo as diversidades, singularidades e multiculturalidades que abrange tais povos. Queremos desconstruir estereótipos, equívocos e preconceitos sobre as nações indígenas”, afirmou.

Já a professora Thalita Vitória Castelo Branco destacou a questão dos direitos humanos. “O evento oportunizou uma noite interdisciplinar na qual conversamos sobre questões legislativas na garantia do direito à educação para os indígenas. Falamos da Constituição Federal, da Lei de Diretrizes e Bases da Educação com o intuito de discutir o direito a uma educação diferenciada”, explicou.

Participaram do evento as instituições de ensino da região, sociedade de Açailândia, docentes, discentes, técnicos administrativos, terceirizados e a comunidade do campus de modo geral.

Fim do conteúdo da página